Piñatex, o novo couro vegan!

Sustainability

19 Abril 2019

Piñatex, o novo couro vegan!

Piñatex, o novo couro vegan!

Atrevemo-nos a dizer que abraçar o lado ético é ainda mais recompensador do que o lado selvagem de Lou Reed. No entanto, é bem mais difícil do que parece.

Produzir sapatos, roupa e acessórios, bonitos e resistentes, que não sejam feitos de cabedal pode ser difícil. Especialmente se quisermos evitar o plástico a todo o custo.

 

 

Os defensores do cabedal vão argumentar que este material é melhor para o ambiente, tanto pela sua duração como por ser menos poluente do que o polyester e derivados amigos. Mas não podemos continuar a agir como se o cabedal crescesse nas árvores. E mesmo que o objecto de pele em si não seja poluente, a indústria por detrás dele é. O dilema é real, ou pelo menos era, antes de Carmen Hijosa ter desenvolvido o Piñatex.

 

 

Após anos a desenhar produtos em cabedal, começou a perceber quão nociva esta indústria era. Deteriora a saúde das pessoas que nela trabalham, explora e maltrata animais, sem se esquecer de deixar a sua tenebrosa pegada ambiental. Com isto a designer começou a explorar alternativas mais sustentáveis e gentis, como fibras Naturais.

 

 

A sua viagem acabou por leva-la às Filipinas onde se tecia a partir de fibras naturais há 400 anos. Estas fibras encontram-se em folhas de ananás por toda a floresta, e muitos consideravam-na um desperdício. Tal ensinou a Carmen, e a todos nós que ouvimos a sua história, que nada é desperdício. É sempre uma questão de percepção, porque na realidade tudo pode ser utilizado, e a qualquer coisa pode ser dado um novo propósito.

 

 

7 anos depois, a Piñatex nasceu e Carmen estava pronta para a industrializar de forma a que todos pudessem usufruir deste material. Mas para isso iria precisar de muitas mais folhas de ananás. Assim, com o apoio de uma empresa filipina, criou a cadeia de fornecimento que precisava. Mas não da forma mais ortodoxa. O que criou foi uma economia circular, onde todos os pesticidas e nutrientes provinham da própria planta. Basicamente parte da planta mais madura é utilizada na criação da mais jovem. Tudo neste sistema é utilizado, não deixando espaço para desperdícios nem necessidade de químicos. Podem ver aqui a Ted Talk da Carmen, onde esta explica tudo isto ao pormenor: Ted Talk Carmen Hijosa

 

 

Os detalhes finais são executados na Bonditex, a empresa Espanhola que completou o nome do produto. A Carmen afirma também que, uma vez que o ananás é a segunda fruta mais popular do mundo, existem cerca de 25 milhões de folhas de ananás que são consideradas desperdício. Tanto que vários agricultores costumam queimar estas folhas. Sendo as Filipinas o terceiro produtor de ananás e produzindo 10% de todo o ananás, restam cerca 2.5 milhões de folhas. Tal equivale a 180 milhões de metros quadrados de Piñatex. Para essa quantidade de cabedal seriam precisas 540 milhões de peles de vaca.

 

 


 


Como podem ver as folhas de ananás têm melhores resultados a nível económico ao mesmo tempo que contribuem de forma positiva para o meio ambiente. O Piñatex pode acabar com as atrocidades da indústria do couro, enquanto liberta tanto animais como as pessoas que dela dependem, para que possam encontrar uma vida melhor. É verdade que o desemprego é um dos maiores medos quando falamos de novas tecnologias. Mas neste caso isso não será um perigo.

 

 

Os agricultores terão melhores condições de trabalho devido à ausência de químicos, e serão mais bem pagos. Novamente, nós como consumidores podemos influenciar esta situação. Se cada vez mais pessoas procurarem produtos com certificados de fair-trade e outros amigos do ambiente, as empresas serão forçadas a pagar vencimentos justos e a investir em materiais como o Piñatex.

 

É exactamente isso que está a acontecer nos nossos dias e é incrível. Lembrem-se sempre que apesar de ser aborrecido ter de pagar um pouco mais por um produto. Que apesar de poder ser chato esperar, e ter um roupeiro meio vazio, é bem mais aborrecido para as pessoas que estão a manufacturar os produtos baratos que compramos.

 

Digam-nos se já experimentaram os nossos sapatos de Piñatex, e qual é a vossa opinião sobre este material! Sentimos que esta uma das revoluções mais positivas e queremos-vos do nosso lado!

 

 

Tenham um dia incrível,

 

NAE 


Deixe o seu comentário sobre esta notícia

O seu formulário foi submetido com sucesso.
Campo de preenchimento obrigatório.
Campo de email inválido
Campo com limite máximo de caracteres
Este campo não coincide com o anterior
Campo com limite mínimo de caracteres
Ocorreu um erro na atualização dos seus dados. Por favor reveja o formulário.

* Campos de preenchimento obrigatório.